rss email twitter facebook google pinterest

Numero para contato

DISTRITO LAGOA 33

ESCOLA PORTAL: LAGOA 33

No Dia do Estudante vamos inaugurar uma Mini Biblioteca na escola, contamos com seu apoio e parceria. Doe um livro de literatura infanti...

29 de janeiro de 2013

O que significa lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás?



Esta citação está em Eclesiastes 11.1: “Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás.” Não há uma interpretação precisa a respeito do significado dessa expressão. Assim, precisamos observar um pouco o contexto e as hipóteses que se levantam a respeito do que o autor quis comunicar.



Eclesiastes 11.1-8 apresenta reflexões a respeito do excesso de cautela em nossa vida e naquilo que faz parte dela. Observe, por exemplo, que Salomão trabalha questões como as incertezas da natureza (v. 3), as incertezas a respeito dos desígnios de Deus (v.5), as incertezas do nosso trabalho (v.6). Todas essas incertezas não devem nos fazer apelar para um excesso de cautela que busque concretizar o que queremos, antes, devemos trabalhar e viver a nossa vida com sabedoria e fé, sem ansiedades prejudiciais e que não resolvem nada. É nesse contexto que o texto objeto de nosso estudo está inserido. Existem pelo menos três possíveis interpretações principais a respeito do significado desse texto:

(1) Alguns estudiosos afirmam que esse texto possa se referir à caridade, ou seja, devemos “lançar” o pão para abençoar vidas que precisam dele. Aparentemente – lançar o pão sobre as águas – nunca retornaria a nós como um lucro, pois perderíamos esse pão. Porém, ajudando os outros, a bênção voltaria às nossas vidas mais cedo ou mais tarde como consequência da nossa liberalidade e amor ao próximo.

(2) Outros estudiosos apresentam a interpretação de que mesmo uma atitude que não parece tão sábia – nesse caso lançar o pão sobre as águas – tem as suas recompensas ou consequências em nossa vida. Assim, temos que ter cuidado com nossas atitudes, principalmente aquelas absurdas, pois acharemos os frutos delas.

(3) Ainda uma terceira interpretação diz que a alusão aqui possa ser a respeito do comércio marítimo de trigo. Salomão estaria apresentando essa modalidade de comércio como algo sábio e recompensador, apesar de arriscado. Esse comércio seria o lançar o pão (trigo) sobre as águas e, depois da viagem longa e perigosa por mar, obter o seu lucro. Apesar da demora de muitos dias, o lucro seria achado (recebido), bastando que houvesse tranquilidade para fazer o investimento no tempo certo e a paciência de espera
Fonte:  André Sanchez

Pagina Anterior Proxima Pagina Página inicial

0 comentários:

WWW.SOCIEDADE33.COM.BR